Lattine Group

Blog

Teams x Sharepoint: entenda a diferença

OfficeTeams

Teams x Sharepoint: entenda a diferença

Tanto o Teams, quanto o SharePoint, são ferramentas que melhoram a colaboração e a comunicação dentro de uma empresa. Apesar de ambas servirem o mesmo propósito, isso não significa que uma plataforma de colaboração substitui a outra – cada uma possui uma função específica, que faz dela necessária para determinado contexto.

Primeiro, vamos esclarecer qual os principais recursos destes aplicativos.

Teams:

1. Canais – É possível organizar conversas e arquivos criando diferentes canais para diferentes projetos. Desta forma, os colaboradores conseguem gerenciar melhor suas tarefas, já que eles podem seguir canais, favoritá-los ou deixar de fazê-lo de acordo com seu envolvimento com elas.

2. Abas – As abas contém instrumentos e serviços que as equipes usam com frequência. Portanto, os relatórios do Power BI, links externos, páginas do SharePoint e demais ferramentas da Microsoft estão disponíveis em um clique.

3. Conectores – Permitem o acesso fácil e rápido a outros serviços, como o OneNote, PowerPoint e Excel, e ao seu conteúdo, evitando a perda de tempo e distrações.

4. Bots – Os programas de automação respondem a perguntas do usuário e fazem atualizações para otimizar processos simples. Se você deseja criar um relatório de reunião, basta pedir por uma atualização da reunião e digitar as informações para que o documento seja desenvolvido pela própria ferramenta.

SharePoint:

1. Listas – Os sites do SharePoint possuem cinco listas pré-estabelecidas – recados, contatos, eventos, tarefas e links –, mas pode-se customizá-las ou criar outras para melhorar a comunicação e a organização de uma equipe.

2. Biblioteca de documentos – Arquivos compartilhados entre colaboradores são adicionados automaticamente à Biblioteca de Documentos do Sharepoint, em forma de lista, e informações dispostas neles podem ser encontradas rapidamente a partir de hiperlinks. 

3. Painel de discussão – Com esse recurso, reduz-se a necessidade de enviar e-mails para os membros da equipe para discutir ideias brevemente, já que os usuários podem responder à mensagem no painel. Além disso, evita-se que alguém não seja incluído na lista de destinatários.

4. Pesquisa – Faça uma enquete no próprio e permita que sua equipe lhe ajude a tomar decisões e dê sua opinião sobre o assunto tratado.

Os aplicativos ainda se distinguem em:

Quantidade ideal de canais/sites a serem criados – No Teams, recomenda-se usar poucos canais porque os colaboradores podem ter dificuldades em encontrar o certo para participar. Mas com o SharePoint, pode-se criar um número maior de sites, já que eles foram designados para serem um espaço pequeno, com foco em assuntos específicos, ao contrário da primeira ferramenta.

Quem tem acesso às plataformas – Indivíduos que não possuem um serviço compatível com o SharePoint podem ser incluídos em sites da plataforma. No Teams, é possível ter convidados, mas a configuração padrão não permite seu acesso (é necessário ativá-la).

O que você pode integrar – As duas ferramentas podem ser conectadas ao Planner, Calendário e Biblioteca de Documentos. Pelo Teams, o SharePoint pode ser acessado, mas não é possível ter acesso ao conteúdo do Teams pelo SharePoint.

A partir disso, pode-se dizer que o primeiro trabalha melhor a comunicação e o segundo, o trabalho em equipe. Esses dois softwares da Microsoft são parecidos, mas trabalham em conjunto para aumentar a produtividade de uma empresa. Entre em contato conosco para adquirir essas e outras ferramentas e contribuir para o crescimento do seu negócio.

Leia também:

4 coisas para fazer com o Microsoft Teams 
SharePoint: o que é e quais são seus benefícios?
Office 365: por que ele é essencial para uma empresa?

Lattine Group

© 2018 - Copyright

Follow Up Comunicação